terça-feira, 8 de agosto de 2017

Ferrovia Norte-Sul

     Auditoria do Tribunal de Contas da União constatou sobrepreço de setenta milhões de reais em obra da Ferrovia Norte Sul. Por isso, o TCU determinou, cautelarmente, a indisponibilidade de bens de ex-gestores da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias.
      Também foram bloqueados os bens dos responsáveis e da empresa contratada para executar a obra. A fiscalização foi relatada pelo ministro do TCU Benjamin Zymler. O objetivo da decisão é garantir que o valor de setenta milhões seja devolvido aos cofres públicos.
    O sobrepreço ocorreu porque a Valec aprovou planilha orçamentária com valores acima do mercado. A auditoria do TCU foi no trecho de cinquenta e dois quilômetros da Ferrovia Norte Sul entre os municípios goianos de Ouro Verde e Jaraguá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário