Posts

Banco Mundial e TCU firmam acordo de cooperação

O Tribunal de Contas da União (TCU) e o Banco Mundial assinaram memorando de entendimento para desenvolver programas de cooperação institucional. O objetivo é a formação de capital humano e aprimoramento das normas de auditoria financeira e de governança no setor público federal e estadual.

A ideia é compartilhar conhecimento para capacitar auditores financeiros no Brasil e na América Latina e elevar esse tipo de análise de contas aos padrões praticados internacionalmente. Nesse sentido, a Escola Superior Serzedello Corrêa (ISC), do tribunal, ampliará a oferta de cursos de especialização e à distância nessa matéria. Cursos presenciais em outros países serão dados por meio da Organização Latino-americana e do Caribe de Entidades Fiscalizadoras Superiores (Olacefs). O TCU preside o Comitê de Criação de Capacidades (CCC) desta entidade.

O presidente do TCU, ministro Raimundo Carreiro, reforçou que o ISC está preparado para impulsionar o desenvolvimento profissional no país e na América Latina. “Nossa missão é disseminar conhecimento para a administração pública”. Carreiro salientou que com essa parceria, “o controle externo poderá oferecer à sociedade pareceres mais fidedignos sobre as finanças das organizações públicas e das contas de governo”.

Martin Raiser, diretor do Banco Mundial no Brasil, enalteceu o papel do TCU como agente fiscalizador neste momento difícil em que o país atravessa, e reforçou que a parceria entre as duas instituições será importante para compartilhar conhecimento. “O TCU levará mais capacitação aos auditores nos estados e a outros países. E o Banco Mundial vai trazer outras lições internacionais para o Brasil”.

Além das contas financeiras de governos, os auditores que participarem das capacitações atuarão mais fortemente na fiscalização dos empréstimos feitos pelo Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), braço do Banco Mundial, aos países latino-americanos e ao Brasil.


A assinatura que celebrou a parceria aconteceu na sede do tribunal em Brasília e contou com a presença do procurador-geral do Ministério Público de Contas junto ao TCU, Paulo Bugarim, do especialista em gerenciamento financeiro e prática global de governança do Banco Mundial, João Vicente Novaes Campos, e secretários do TCU.

Nenhum comentário:

Leave a Reply

O TCU

O Tribunal de Contas da União é o órgão responsável por fiscalizar a utilização dos recursos públicos federais. Essa atividade é chamada de controle externo e tem o objetivo de garantir que o dinheiro público seja realmente aplicado em benefício da sociedade.

Pesquisar

Labels